sexta-feira, 30 de abril de 2010

Weird things #1

Hoje vi o capachinho mais estranho de todos os tempos. Bom, é certo que isto não passa de um pleonasmo porque capachinho é sempre sinónimo de estranho, mas era mesmo, mesmo, mesmo muito mau. Considerando que o senhor tinha cabelo grisalho e o dito cujo era castanho, a puxar para o ruivo, ficava ali que era um mimo! E ao sair do comboio, o vento era tanto que fiquei à espera de o ver voar... Ai que vou para o inferno. Ai vou, vou.

1 comentário:

tempus fugit disse...

Nada como uma cabeça (assumidamente) bem desnudada.